sexta-feira, 2 de fevereiro de 2007

Certeza

Estar consciente é reconhecer que estamos imersos em um Universo regido por leis.

Como a física ou a química, estas leis regem tudo o que sentimos e fazemos, e nos retorna com o que semeamos e iremos colher.

Não somos vítimas, em absoluto. Somos livres (de certa maneira) para decidir nosso rumo, nosso modo de agir em cada instante.

Tenho aprendido muito com isso. Mais a facilitar do que a forçar as coisas a acontecerem. E sentir dentro quando estou sendo favorável ou indo contra a maré.

Muitas vezes tanto esforço...

A certeza é o princípio fundamental da nossa realização. Porque quando duvidamos abrimos possibilidades para que o fracasso nos alcance.

Ter certeza libera os caminhos para a flexibilidade e o propósito. Sabemos onde queremos chegar e estamos certos disso, então não há porque contrariar os obstáculos que surgem. Fazemos deles nosso amigo, e mudamos o rumo das velas para que empurrem ainda mais nosso barco ao seu destino.

Importante também é reconhecer o tempo, interno e externo, da realização.

As coisas falam por si mesmo. Se soubermos esperar o momento correto.

Não agir muitas vezes é o melhor a fazer.

Poucos podem entender. Mesmo assim, vamos seguindo nosso caminho, devagar e sempre, quase invisível, apenas porque sabemos mesmo onde iremos chegar.

Nenhum comentário: